Pira21 - Piracicaba Realizando o Futuro

PIRA 21 APRESENTA BALANÇO PARCIAL DA AGENDA 21, INICIADA EM 2016

Piracicaba, 05/03/2020

A Oscip Pira 21 – Piracicaba Realizando o Futuro – apresenta à população piracicabana o balanço parcial das ações realizadas em quatro anos (2016-2019) da efetivação do ambicioso plano estratégico, composto de 592 ações sustentáveis para o período de 2016 a 2025, que integra a Agenda 21 de Piracicaba. O balanço completo desse período e a Agenda 21 estão disponíveis no site www.pira21.org.br.

Na análise do plano geral, o resultado é positivo, pois 24% das ações propostas foram concluídas ou estão em andamento pelo governo municipal. Em relação à avaliação das questões prioritárias, o percentual atingiu 86%. São destaques:

  • Primeira no ranking do índice de Desafios da Gestão Municipal entre os 100 maiores municípios do país, sendo o município que mais oferece serviços à população. (Estudo realizado pela Macroplan relativo à 2019);
  • a inclusão da área rural no Plano Diretor e dos pontos relevantes para o desenvolvimento sustentável apontados na Agenda 21;
  • o combate às perdas na distribuição de água apresentou uma melhora de 12,13%, apesar de ainda estar longe do considerado ideal, que é 20%;
  • a abertura Hospital Regional e do Hospital Ilumina são destaques na saúde;
  • na segurança, o sistema Detecta do governo estadual foi implantado; houve redução dos índices de violência no período;
  • a câmara dos vereadores ampliou em 92% o acesso à informação por meio do portal da transparência.
  • os investimentos realizados em saneamento e na educação colocaram Piracicaba no topo dos rankings nacionais.
  • meta de crianças matriculadas em creches é antecipada em cinco anos conforme pesquisa do IBGE. Isto significa que 12.825 crianças de zero a três anos estão matriculadas na rede pública e escolas particulares, o dobro da média nacional, de 34,3%.
  • Investimentos na saúde atingem 25,99 da arrecadação municipal e atendimentos médicos superaram 1,1 milhão.

Apesar dos resultados positivos, 3% das ações tiveram impacto negativo em relação às propostas da Agenda 21. O ponto mais impactante para a qualidade de vida é a taxa de mortalidade infantil até um ano, que tinha atingido a meta em 2016 e 2017, mas voltou a crescer, fechando em 10,7 mortes em 2018, índice superior ao considerado aceitável pela Organização Mundial da Saúde, que é de 10 mortes para cada mil nascidos vivos. Além desse importante indicador, os casos de dengue cresceram em 2019. Outro agravante para a saúde e meio ambiente é qualidade de ar, cujo nível de poluição continua crescendo em função do aumento de queimadas, que em 2019 foi 36% maior que o medido no mesmo período do ano passado (janeiro a julho) segundo dados do INPE – Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. Além desses itens, não houve melhoria em relação aos loteamentos clandestinos existentes na área rural.

Os dados apresentados pelo balanço parcial demonstram que o município está na rota do desenvolvimento sustentável, destaca o Prof. Josué Lazier, secretário executivo da Oscip. “O resultado positivo de 24% de concretizações apurado até agora reafirma a robustez do plano estratégico da Agenda 21, alinhado aos anseios da população e às realizações do poder público, projetando um futuro promissor para Piracicaba”.

A Agenda 21 de Piracicaba foi revisada pela população do município entre 2013 e 2015 e o plano estratégico proposto para o período de 2016 a 2025 está traduzido em 29 metas, 65 programas, 146 objetivos e 592 ações propostas. Para sua idealização, houve um grande envolvimento da sociedade nas ações prioritárias. Os desafios são grandes, mas o foco na sustentabilidade concretizará a visão de tornar o município “um excelente lugar para se viver”.

A Oscip Pira21 é responsável por editar e fomentar os objetivos e planos que integram a Agenda 21 de Piracicaba há 17 anos, sendo certificada pela Ministério Público como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público, em função de sua transparência e relevância de atuação para o desenvolvimento sustentável do Município.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *