Dimensão Urbana -mobilidade /Frota de veículos em Piracicaba ganhou 7.000 veículos em 12 meses.

N o período de um ano, de junho de 2016 a junho deste ano, a frota de veículos de Piracicaba ganhou 7.000 veículos. O acréscimo equivale a uma média de 583 veículos por mês que entram em circulação ou 19 por dia. De acordo com a Semuttran (Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes), em junho de 2016 a frota do município contava com 294,3 mil veículos, e no mesmo mês deste ano o nú- mero subiu para 301,3 mil. A categoria dos automó- veis é a que apresentou o ganho mais significativo no período, com o acréscimo de 3.825 unidades, totalizando 179,4 mil carros em circulação. As motos somam 62,4 mil unidades; camionetas 37,5 mil; caminhões 10,6 mil; reboques 9.400; ônibus 1.609; entre outros. Na opinião do especialista em trânsito e membro do conselho deliberativo do IBCT (Instituto Brasileiro de Ciências do Trânsito), José Almeida Sobrinho, o crescimento resulta dos incentivos oferecidos pelo governo e indústria principalmente para a aquisição de automó- veis e motocicletas. “A redu- ção de taxas e o aumento no prazo de pagamento impulsionaram muito o aumento na frota. Por outro lado, é preciso ter ciência que a solução para o nó no trânsito vai além da abertura de novas ruas e avenidas. Quanto a isso, em boa parte das cidades, inclusive em Piracicaba, não há mais o que ser feito por falta de espaço”, disse. O especialista destacou ainda que os transtornos gerados pelo aumento da frota vai além dos congestionamentos e acidentes. Segundo ele, uma das alternativas para redução do problema, já em curso, tratase dos serviços de transporte individual, como o Uber — que começou a operar na cidade no começo deste ano. “Existe uma boa perspectiva de que os aplicativos de transporte individual ajudem a frear um pouco a compra de novos veículos, pois, com o preço razoá- vel da corrida, a pessoa opta pelo serviço”, relatou. Sobrinho destacou também os aplicativos de compartilhamento de veículos já em funcionamento em grandes capitais, que em breve deverão chegar ao interior. De acordocomJorgeAkira, responsável pela Semuttran, o crescimento na frota é observado há 12 anos, quando a economia avançou. “As pessoas passaram a ter mais condições de adquirir um automóvel ou moto, o que é muito positivo ao indivíduo, mas passou a representar um grande desafio aos gestores”, afirmou. Akira disse que o município tem realizado intervenções viárias para comportar o volume de veí- culos com foco voltado aos próximos anos. “Nossa aten- ção também está voltada para a melhora contínua do sistema de transporte público que representa uma alternativa importante para diminuir o volume de carros e motos em circulação”, disse.

Fonte: JORNAL DE PIRACICABA SÁBADO, 22 DE JULHO DE 2017